15 novembro, 2006

Despedida / Farewell




20 comentários:

Anónimo disse...

tão lindo!

Marcelo disse...

Adorei. A sério, acho q tens muito talento. Que inveja, acredita :) Deve ser uma sensação óptima conseguires exprimir-te tão bem através de desenhos. :)

Sara disse...

esta despedida deve ser comum a todos os casais. Lindo!

Ana Oliveira disse...

É daquelas em que nenhum dos dois chega a ver o outro a virar-se. Assim até parece que se estão a borrifar.

Anónimo disse...

Bolas, assim até parece uma situação bonita, por isso é que sempre que me despeço, olho para trás pelo menos duas vezes...(dependendo do interesse)


:)

apple disse...

Lindo!! Estou apaixonada pela "estória". Adoro os detalhes! FEz-me sorri, logo pela manhã!! Obrigada....

Ana Oliveira disse...

kiau liang: Eu olho sempre para trás, seja de quem fôr que me esteja a despedir :)

Apple e os outros todos: :)

Senhora das Aguas disse...

ehehehehe, fez-me sorrir. Abraço.

Anónimo disse...

Lindo!!! Eu nunca olho para trás...mas vou passar a olhar. Depois conto-te o porquê deste desenho hoje ter sido tão especial para mim. um beijinho

Filipa disse...

muito lindo!

Ana Oliveira disse...

Maria: hás-de contar, fiquei curiosa

Anónimo disse...

Já vi esse final quantas vezes. O que sempre pensei que fosses fazer era:
as escadas subiam e ela continuava a tentar descer, nunca saindo do mesmo sítio enquanto ele se afasta.

Anne Marie disse...

Olá!
... bem, podia ser qq história, mas a mim aconteceu-me muito muito muito recentemente...
Muito bonito! (como sempre)
Beijinhos!

maria arroz disse...

Estas tuas estórias são simplesmente ...LINDAS!!!
Acertas sempre - em cheio - nas ironias da vida!!!

eu sou das que não olha por vergonha...mas se olhasse, estou certa que nunca iria acertar no -possivel- momento do olhar dele...mas agora vou começar a arriscar!!!
bjokas

Ana Oliveira disse...

Vodka: Ela podia fazer isso, mas por acaso nem pensei nessa hipotese porque se calhar é algo que eu não faria.. tenho medo do ridiculo. Eles podiam era ter ficado a lolhar um para o outro enquanto outras pessoas passavam por eles. Há tantas possibilidades..

Anna Marie: Que bom :)

Maria Arroz: Experimenta que podes ter surpresas engraçadas, do género de ainda ires a tempo de o ver esbarrar em alguém por ainda estar a olhar para ti.

florbola disse...

Tão bonito : ))))))
Adoro vir aqui e vêr que tens ilustrações novas... São tão lindas... captas muito bem esses momentos, sejam eles quais forem!!!! Tens muito talento mesmo.... E deves ser uma óptima observadora!!!

Eu também sou daquelas que olha sempre para trás.
; )

Beijinho.

Ana Oliveira disse...

Obrigada Florbola! E sim, gosto muito de olhar para as pessoas. O próximo post, se o conseguir desenhar, vai ser sobre beijos :)

hfm disse...

Gostei.

S. disse...

faz-me lembrar a cena final (que por acaso é assim das melhores do filme e tal)do the butterfly effect

(por acaso costumo sempre olhar para trás quando me despeço :$)

catarina disse...

Querida ana, que desenho tão doce, triste e alegre ao mesmo tempo! Mas não é afinal de contas também tudo isso o amor? Adoro vir ver os teus desenhos!!! beijinhos