02 outubro, 2006

Little Red Riding Hood V


Estas são três das minhas mais recentes impressões do linóleo do Capuchinho Vermelho. São apenas variações do mesmo, usando cores diferentes... Usei sempre tintas para linoleo à base de água (que facilitam a limpeza), mais concretamente de três marcas diferentes (não é muito fácil encontrar variedade de cores por Lisboa):
-Aqua Linoldruck wasserfarbe, da Schmincke
-Linograph, da Ferragio
-Blockprint, da Royal Talens
Estou com vontade de continuar a escavar linoleos, só uma ameaça de tendinite no meu braço direito me anda a fazer recuar... Esperemos que não se instale!
These are my last three impressions from the Little Red Ridding Hood lino. I used water basis lino colors (cause they are easier to clean and not as stinky as the other ones). I used three brands (its hard to get different colors in Lisbon):
-Aqua Linoldruck wasserfarbe, da Schmincke
-Linograph, da Ferragio
-Blockprint, da Royal Talens

6 comentários:

stemamo disse...

Olá Ana, gostei demais desta gravura... parece flexografia, lembra, muito bonito. Não conheçø ou pelo menos não reconheci o nome do seu método mas não importa, muy belo!

Tbm tenho alguns desenhos publicados no meu blog, se quiser passar lá, fico feliz.

abraco!

yorge disse...

bom! t'a fofo!
mesmo mto fofo!
axo q fico com um sorriso palerma sempre que olho para esta zona... A TUA ZONA!hehe
vizitei a gorda de vermelho. tenho uma parecida... a minha 'e mais primaveril, derretida... cremosa e tudo mais!

agora a miuda do capacete vermelho! xi! tens pano para mangas!
beijos e berros! jorge

Ana Oliveira disse...

Jorge!!! Vieste! :) ehehe, a tua gorda é mais ... primaveril, sim!
beijos beijos

velhadaldeia disse...

Oi, Ana.
Gosto muito das tuas experiências!

Será que recomendas alguma marca de tinta preta especialmente boa para impressões caseiras?

Beijinhos,
Sara

Ana Oliveira disse...

Oi Velha da aldeia! para experiencias caseiras posso apenas recomendar as tintas à base de água que é o que uso.. mas os verdadeiros gravadores usam tints á base de óleo que são mais plásticas e opacas. Mas cheiram mal!

velhadaldeia disse...

Ana:
Já experimentei tintas à base de água e à base de óleo e confirmo: as tintas à base de óleo têm um cheiro consideravelmente esquisito. Mas acho que vale a pena suportar o pivete. É que as tintas à base de água secam muito depressa e quando chegam ao papel já não agarram bem porque já vão meias secas. As tintas à base de óleo mantêem-se fresquinhas e agarram muito melhor o papel!
Sara