08 junho, 2009

Pêlo a pêlo...

No centro de estética onde vou, a senhora que me (mal)trata as pernas tem por hábito depenicar com uma pinça as pilosidades mais reticentes a abandonarem a minha pessoa. O contraste entre as suas mãozinhas suaves (que ela também é massagista) e a pinça faz-me lembrar certos passarinhos. 
Dói que se farta...

8 comentários:

Honey Daze disse...

São os sacrifícios pela beleza que todas temos que fazer... Eu tenho uma máquina (dos anos 80!) - parece que me dá muitos choques eléctricos nas pernas. O que é bom é que, ao fim de 10 minutos, já não sinto nada :)

ana luís vieira disse...

Os pêlos ou são burros ou persistentes?

Karolinne disse...

como te compreendo...

A. disse...

a cera pode doer. essa parte de picar com a pinça enerva que acho que é pior! : )

Cris Siqueira disse...

a que nós mulheres precisamos nos submeter para nos sentirmos lindas??

Fuzhong! disse...

Claro que também depende da espécie de pássaro que a sra. usa para te torturar...

Ana Oliveira disse...

Fuhzong: Depende pois! Mas garanto que usa dos mais bicudinhos...

..carlix.. disse...

O sacrifício de ser bela LOL. Como estou a tirar o curso de estética, na parte da história fala dos sacrifícios mais absurdos que as mulheres tinham que fazer pela sua aparência. Os pêlos ainda não faziam parte do "pacote"... mas usar cêra e banha mal cheirosa era sexy e sedutor! ehehehhe

Bj*